sábado, 29 de abril de 2017

Padrasto mata enteado de dois anos a ponta pé


                                           (REPRODUÇÃO/CM JORNAL)
Um menino de dois anos foi agredido até à morte pelo padrasto em Dorset, na Inglaterra. Joseph Eke, que está a ser acusado de matar Harry House na casa da família, nega qualquer tipo de agressão à criança. 

O caso remonta a a 26 de maio do ano passado, quando a mãe saiu para ir às compras e Joseph ficou sozinho em casa com o bebé. Quando chegou a casa, Lauren O'Neill encontrou o filho no quarto "muito pálido" e com os lábios roxos. 

Momentos depois o menino ficou inconsciente e a mulher chamou os paramédicos. Harry acabou por morrer no hospital. Após uma investigação, Joseph Eke foi acusado de ter espancado o menino, com murros e pontapés, provocando-lhe lesões graves internas e fraturas no crânio. 

O homem aproveitou o momento em que a mãe do menino tinha ido às compras para agredir a criança. As autoridades revelaram também que dois meses antes o menino apareceu com uma fratura nas costelas e com uma ferida no rosto, provocadas, igualmente, pelas agressões do padrasto. A avó da criança revelou ao juiz que o bebé chegou a dizer que o Joseph o tinha empurrado, daí as lesões na cara e nas costelas. 
 FONTE:http://www.cmjornal.pt/mundo/detalhe/mata-enteado-de-dois-anos-ao-pontape

Nenhum comentário:

Postar um comentário

venha anunciar conosco

venha anunciar conosco
divulgue sua empresa sua marca ou seu comercio