terça-feira, 7 de fevereiro de 2017

Famílias de jornalistas processam Chapecoense por tragédia

                                   (Raul Arboleda/AFP)
Sete famílias de jornalistas mortos na tragédia aérea com o voo da Chapecoense irão processar o clube. Segundo o advogado das famílias, João Tancredo, o time teria responsabilidade, apesar de não ser culpado pela queda do avião que matou 71 pessoas na Colômbia.

“A Chapecoense terá que ser processada. Foi o clube que fretou a aeronave e fez o contrato com a empresa aérea. O clube tem responsabilidade sobre o transportado, ela teria que deixá-lo em seu destino”, disse o advogado, que tem entre clientes as famílias do jornalista Guilherme Marques e do produtor Guilherme Van der Lars, da TV Globo. (Veja.com)

Nenhum comentário:

Postar um comentário