domingo, 13 de novembro de 2016

Trump diz que vai deportar até 3 milhões de imigrantes ilegais

(Por: João Pedroso de Campos   via MSN.com)


                                           (© image/jpeg O presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump)
O presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, reafirmou neste domingo, em entrevista ao programa 60 Minutes, do canal de televisão CBS News, que pretende deportar entre dois e três milhões de imigrantes ilegais – durante a campanha, ele chegou a falar em 11 milhões de deportações. Ele também falou do muro que prometeu erguer na fronteira com o México, dizendo que parte dele não seria propriamente de alvenaria, mas sim cercas, como já há na fronteira entre os dois países.
“O que nós vamos fazer é descobrir quais são criminosos e têm antecedentes criminais, membros de gangues, traficantes, que são muitas destas pessoas, provavelmente dois milhões de pessoas, ou até mesmo três milhões, e tirá-los do nosso país ou prendê-los. Nós vamos tirá-los do nosso país, eles estão aqui ilegalmente”, afirmou o republicano. 
A respeito do muro, um dos pontos centrais – e mais polêmicos – de sua campanha, Donald Trump declarou que “em certas áreas, haverá (cercamento), mas em outras, um muro é mais apropriado”. Um dos principais nomes de seu gabinete de transição à Casa Branca, Newt Gingrich, já afirmou que o muro foi um importante “instrumento de campanha”.
Trump disse também que, “depois que a fronteira estiver segura”, seu governo vai decidir quais, entre os milhões de imigrantes ilegais, merecem o visto americano.

Nenhum comentário:

Postar um comentário